[Português] Semana de 6 a 12 de Fevereiro

Distração e ego é uma combinação que deixa o erro à vista. Cometemos um erro ou cometemos desajeitadamente um movimento ou uma palavra que rompe boas relações. A língua, quando não é prudente, destrói. Estamos muito confiantes em quem pensamos que somos e no que temos, quando somos bastante novos e diferentes do que realmente conhecemos. Semana para ter que dar explicações pela falta de rigor e concentração das novas condições do presente. São dias em que o ego também se mostra pela paixão sentimental e laboral. Mas eu recomendo-te focar nos detalhes porque as forças movem-se em várias direções e não onde achas que será o próximo passo. Vamos salvar a paixão. É um bom momento para sair dos nossos limites e entrar no excitante mundo da sinceridade e dos desejos. No trabalho, a energia conecta-nos com o poder de alcançar e querer mais. É bom para a produtividade. Como também pela acalorada disputa de ideias, que o ego volta a inflamar as discussões, acreditando que o outro está errado, quando o bom senso convida-nos a aproximar as nossas posições. Tensão na política e na gestão das empresas. Tensão nas decisões porque o ímpeto do ego impõe a força errada e agrava os conflitos. Hora de evitar envolver-se em discussões inúteis. Deixe as pessoas conflituosas mostrarem todas as suas fraquezas no confronto antes de intervires. Já sabes que quem cria problemas é porque quer ser importante. E são tempos em que, mais do que propor o bem comum, procura-se propor o ego para comodidade pessoal.

No plano material e monetário

Semana de receber o que merecemos porque podemos arranjar uma forma de dizer o que somos capazes de dar. Era tão simples quanto ser honesto e parar de procurar o perfeito. Não precisamos ser perfeitos para poder dar valor que será reconhecido nos outros. Semana para agradecer e permitir que outras pessoas colaborem com o teu projeto. Tu não és dono de nada, mas as tuas ideias permitem que os outros ofereçam o melhor para que o valor da comunidade aumente para o bem comum. O dinheiro está vivo e espera por todos nós que saibamos cuidar dele. Não é hora de quebrar tudo de uma vez em nome da prosperidade. Pelo contrário, é hora de entender que o que temos é amadurecer e crescer. É possível. É importante que cuides da fonte que te permite viver com dignidade. Também é importante criar. Criar valor com o que existe. Ainda não consegues imaginar as distantes fronteiras da abundância com o que  tens ao teu alcance hoje.

No plano sentimental

É uma semana de paixões. Já sentes que a paixão vive e se intensifica. Mas a paixão não é impor ou demonstrar. Nem está a competir ou inventar o que não é. Em vez disso, a paixão é permitir e permitir a ti mesmo. Paixão não é doação. É permitires e te permitires a desfrutar com o bater do coração. São dias para sorrir e apaixonares no meio do cansaço quotidiano, porque os sentimentos dão aquela pausa e aquela devoção ao que nos fazem felizes e dão alegria aos outros. É o sentimento que nos espera que se alimenta de paixão.

No plano experiencial

Semana para exagerar e viver dias exagerados de paixões e energia. Se soubermos encontrar o equilíbrio, evitamos entrar em conflitos com o nosso ego. Se soubermos compreender a prudência, deixaremos que a energia nos conduza a esse deslumbramento necessário. Porque precisamos de admiração. E a paixão espiritual, emocional, experiencial, especial e metafísica está a florescer em evidência da tua existência. Dias para ver, sentir e viver situações muito inusitadas, como se estivéssemos a descobrir a força que move a força tudo, como se estivéssemos a descobrir uma chave para a compreensão geral. Às vezes não precisamos viajar para um lugar sagrado para receber uma mensagem sábia. Às vezes é simplesmente colocar a paixão em ouvir, ver e testemunhar algo onde isso acontece para a nossa compreensão, e não para ouvir os aplausos. Menos destaque e mais presença. A experiência ensina mais quando somos testemunhas que atores. Boa semana.

fernandoconfianza-3

Donativo

Gostava muito do teu donativo como um agradecimento, e dessa maneira poder ter energia para colaborar com outros que nao estão a viver tão bem.

6,00 €