[Português] Semana de 17 a 23 de Maio

Serei breve para dizer que estes são dias para tirar a comodidade de tudo o que nos rodeia como se fossem caprichos que se transformam em oportunidades que, se as explorarmos, acabam por ser grandes vantagens, grandes lucros, grandes momentos que, se não fosse pela curiosidade e pela ânsia inicial de superar o medo do desconhecido, nunca teríamos encontrado algo que realmente nos faça crescer e evoluir. São dias que em todas as partes do mundo e em todas as áreas da vida, a conservação do que temos e somos é debatida contra o potencial do que queremos ser, que está repleto de novas criações e virtudes. O conservador oferece-nos o medo não de ir atrás de mais, mas de administrar o que temos, da mesma forma que uma mãe medrosa faria. O que tem potencial, propõe-nos descobrir o que nos faz novos, tal como proporia um sábio, exaltando a curiosidade do aprendiz. É uma semana para escolher entre temer e continuar. Que não nos aconteça que, depois de tantas lutas e lutas, esqueçamo-nos de viver o sentido de porque começamos o que temos. Tudo começa com um sonho, e hoje parece que cuidamos do metal enferrujado daquela que foi a máquina dos nossos sonhos. A beleza e o sentido da vida têm mais a ver com explorar e viver na ilusão do deslumbramento, enquanto os nossos pés caminham em direção ao que nos realiza. Fomos manipulados de tal forma que hoje tememos mudar só porque deixamos o conhecido, como as crianças que não querem deixar cair a bola quando querem pintar com pincéis. Vivemos dias em que nos descobrimos imaturos diante de um mundo que exige criatividade e não certezas, um mundo que não pede experiências e não elevação ou excelência nos estudos, nos pede empatia e não competitividade. Às vezes perdemos a visão, mas nesta semana temos sorte pela frente só para quem quer ver no meio da cegueira como normalidade.

No plano material e monetário

Semana em que a força perde-se pela boca, e quando as nossas palavras e as palavras dos nossos líderes estão cheias de promessas e cálculos, é um sinal de que não é por ali. Os líderes falam com exemplos e não por meio de discursos. Quem é líder, simplesmente faz o que seus sonhos o convidam a sonhar. Por isso é uma semana para deixar de lado os conselhos de quem fala em excesso para nos dedicarmos aos nossos talentos que, tudo que começa como um jogo e com curiosidade, acaba por ser uma fonte de fortuna. O dinheiro não está diante dos nossos olhos, porque o valor do dinheiro agora tem outras formas que descobrimos como riqueza. Muita abundância vem para aqueles que ousam buscar o novo. São dias para iniciar projetos apenas para quem sabe terminar tarefas ou acabar.

No plano sentimental

Semana para não se deixar enganar pela paixão das cobranças de culpas e lamentos. Semana para sentir que somos incomodados por aqueles que querem que nos arrependamos de ser quem somos. É uma semana para decidir dar as costas àqueles que ficaram para trás, para aproximar o nosso coração de quem quer sentir verdadeiros sentimentos. O que é verdadeiro? o que se assemelha ao nosso coração e não o que acende a nossa paixão cheia de carências e necessidades. Os sentimentos são sentem-se para viver a alegria, o prazer, a cumplicidade e a felicidade. O amor não é um complemento nem um resgate. O amor é o inicio do que levo no meu ser, e ilumina com o que carrega o coração de outra pessoa. É ou não é.

No plano espiritual

Semana para ter a sensação de que o mágico e paranormal está ativo em nossos espaços. Sem medo, o infinito quer se comunicar connosco. E não para dar-nos instruções ou conveniências, porque o divino não vê o nosso presente, vê apenas a nossa energia e os nossos sentimentos. As mensagens chegam na forma de casualidades e coincidências. As intuições chegam aos nossos sonhos, embora possam ser pesadelos que não anunciam nada de mal, mas resgatam os símbolos que nos dão força e intuição. O divino não fala a tua língua, só fala em palpites que nos movem para evoluir. Não viemos a esta terra para sermos os mesmos de sempre, viemos para amadurecer, e é uma semana onde sentimos o impulso divino que nos convida a acreditar na nossa intuição, e a não temer o nosso ambiente.

fernandoconfianza-1

Donativo

Obrigado pela generosidade para poder continuar a desenvolver este trabalho

5,00 €