[Português] Semana de 17 a 23 de Fevereiro

Prepara-te para algo

Semana para estarmos preparados para o que vier e se apresentar á nossa frente. Não sabemos bem o que nos terá de colocar no modo de exigência, mas sabemos que isso faz parte da realização dos nossos projectos e desejos. Ou pelo menos um primeiro passo. Inicialmente, nos sentiremos confusos porque sabemos o que queremos, mas não entendemos como dar um sentido lógico. Às vezes, a nossa tarefa não é resolver, mas dar curso à energia, para que sejam as informações que o outro precisa para o seu propósito. O mesmo connosco: receberemos as pistas necessárias para conduzir a maneira como as nossas ações serão tomadas.

Valoriza-te para ganhar

Semana para pedir o que achamos que merecemos. Poderemos receber a negação dos nossos desejos, mas pelo menos marcamos no paradigma do nosso valor o preço que acreditamos que valemos. Isso leva-nos a saber que há mais a ganhar, mas é noutro lugar e não onde o teu conforto gosta de procurar moedas valiosas. A recomendação é de te esforçares para inventar novos lugares onde possamos ser mais úteis ou onde somos mais valiosos, e nos dedicarmos ao crescimento da nossa nova etapa e ao desenvolvimento pessoal e profissional.

Sentir e não fazer

Semana para sentir algum vazio e confusão interna. Passamos muito tempo na procura da paz interior e, quando a temos, não a reconhecemos porque não tem o gosto da luta ou do esforço. Pedimos paz e, quando a temos, não sabemos o que fazer com ela. Porque é uma semana em que percebemos que não é o “fazer” o verdadeiro significado da vida, mas um “sentimento permanente” que desperta a intuição e o nosso desejo de procurar mais. Isso devolve-nos no final da semana a sensação de retornar à confiança e à entrega sentimental ao outro. Não foram dias com o que esperávamos, porque o que queríamos tinha um gostinho do passado. Aprendemos que, no presente, vivemos novos tempos e temos pouco tempo para esquecer o que vivemos.

Desculpas valiosas

Semana para reparar em sinais óbvios de que estávamos errados em seguir pistas falsas. Nada para nos punir, mas para agir. Esses sinais às vezes são mágicos e divinos. Descobrimos que existe um mundo infinito de seres divinos que nos levam ao desejo oculto do nosso coração, porque o coração não fala com palavras, mas com palpites que escondemos por razões confusas que nos dão lógica e entendimento. Semana para deslumbrares-te e agradeceres o retornar ao canal natural de nossas paixões, embora tenhamos que pedir desculpas e ter que suportar as perdas. Mas esse é o ganho em reconhecer que fomos capazes de ser ousados ​​em assuntos que não eram para nós, e agora lamentamos saber novamente o que era realmente valioso e qual era o nosso capricho teimoso de negar ao outro a sua maior felicidade.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s